A Noiva do Príncipe Sério

Ela era a noiva e ele era sério. A história, a bem da verdade, quase poderia ficar por aqui, mas não somos de dececionar. Parece que também era príncipe, mas isso pode ser um exagero, romantização exacerbada, resultante da paixão que ela nutria por ele. Sim, da paixão. O amor é bem mais racional e avisado, como ela percebeu mais adiante. Aqui, reportar-nos-emos apenas a dados suscetíveis de prova, pelo que a protagonista será apenas Noiva e ele será apenas … Ler mais

Coisas da Dimensão

Ler mais

Pastéis de Queijo de Cabra e Mel de Abelha E Não de Outro Inseto

A ordem das pertenças é, aqui, determinante. O queijo tem mesmo de ser de cabra (ninguém condensa o leite como uma boa cabra) e o mel tem forçosamente de ser de abelha (nenhum outro inseto é tão mãos largas no que toca à partilha de doce). Se só tem em casa mel que não seja de abelha e queijo que não seja de cabra… Não invente. Esqueça as búfalas e os grilos da vida, que nenhum dos dois é exímio … Ler mais

O Que Eles Viram

Ela chegou à sua vida no momento de maior desespero. Numa altura em que já se imaginava a acabar sozinho. Não apenas solitário, que isso sempre fora, mas só. A solidão é aquela ilha com um único habitante, cujo tempo de abandono o levou já a desistir de fazer fogueiras à noite, na esperança de chamar a atenção de um avião ou navio mais atentos. Já não sinaliza o seu infortúnio. O habitante dessa ilha dedica todo o seu tempo … Ler mais

Coisas da Cirurgia

Ler mais

Omelete de Brócolos Com Flores Comestíveis

Tal como, na matemática, se pode trocar a ordem dos fatores sem alterar o resultado, graças à propriedade comutativa da multiplicação, também aqui é igual, mas não ao litro, pois tratamos de sólidos. Ou seja, se preferir omelete de flores comestíveis com brócolos, vai dar no mesmo. Isto porque não estamos a pensar enfeitar a omelete com flores comestíveis e sim juntar tudo na frigideira, pelo que vai dar rigorosamente ao mesmo lugar, ou seja, a um prato estranho para … Ler mais

As Três Mentiras da Avozinha Ou Como os Velhos São Apenas Jovens Com Mais Anos

Não se tinha conseguido esquivar. Há mais de dez anos, desde que a avó tinha ficado viúva, mas muito alegre, diga-se em abono de certa verdade, que todas as quintas-feiras almoçava com ela e esta semana não seria exceção. O único problema é que Javier, o amigo madrileno, só estaria em Lisboa nesse mesmo dia e queriam muito rever-se.

– Qual o problema de almoçarmos os três?, tinha sido a resposta-sugestão, tanto de Javier como da avó. De facto, perante … Ler mais

Coisas dos Costumes

Ler mais

Salada de Pasta Del Mar

Há quem mate por uma boa pasta del mar. Já nós, (bem que podíamos ser uma ilha) sortudos, aqui neste pequeno e simpático retângulo ladeado de mar em dois dos seus lados (tontos dos espanhóis), temos del mar com fartura. De tal forma que até alugamos a estrangeiros que para cá queiram vir de férias, que o clima é ótimo e a comida do melhor que há. Assim, só precisa de ter uma pasta, ou marmita, que a forma … Ler mais

É Melhor Não Dizer (Será?) E As Vantagens de Um Bom Vinho

A reunião que tinha agendada para as 15h dava-lhe um pouco mais de duas horas para almoçar, já que não regressaria ao escritório. Claro que não se podia esticar. Sabia bem que uma hora bem organizada rendia mais do que duas sem disciplina. Assim, desceria ao centro comercial e aí comeria, mas podia sentar-se para variar. Escolher um restaurante com esplanada, já que apesar do dia estar frio, o sol estava desavergonhado. A ideia fê-lo sorrir. Era importante que descomprimisse, … Ler mais

« Older posts

© 2019 Absinto Muito

Theme by Anders NorenTopo ↑