Categoria: Risota de Gambas (page 1 of 18)

Bolo Cremoso de Queijo com Morangos ou Vice-versa

Nojento, não é? Que peregrina ideia concebeu a possibilidade de juntar queijo e morangos e achar que, com isso, obteria um bolo? Parece coisa de pintura surrealista, ou de nerds da cozinha. Claro que suíços (e franceses também, mas deixemos estes para outra receita) – e, agora, atenção aos estômagos mais sensíveis – têm lá o seu fondue de queijo, onde submergem tudo e mais um par de botas, mas eles são suíços, não é? São gente estranha. São ricos … Ler mais

Lombo de Porco Recheado com Frutos Secos Mas Ainda Bons

Claro que somos adeptos dos cinco R e de tudo o que seja reaproveitar e dar segundas oportunidades, que só não erra quem não vive. Um princípio que se aplica inclusive e principalmente na cozinha, onde desperdício é palavra maldita, ainda que possa ser bem pronunciada (se não apanharam esta não vamos pôr-nos a explicar trocadilhos que envolvem maldita e mal dito, ainda que receemos ter acabado de o fazer.)

Vamos, então, por partes. O lombo, obviamente, não entra na … Ler mais

Salada de Couve Roxa com Maçã e Queijo Feta

Que grande ‘feta’ que vai ser! Ainda mal entrámos na cozinha e já sentimos no ar aquele doce odor a sucesso garantido. Há receitas assim, inspiradoras. Ao manusear certos ingredientes, sentimo-nos como malabaristas, perante uma boquiaberta plateia de totós, atirando ao ar, com destreza e habilidade, 13 dos nossos melhores pratos de porcelana, um trio de laranjas do Algarve, o vizinho chato do terceiro esquerdo e ainda aquela moinha que não nos larga sempre que visitamos a sogra, sem nada … Ler mais

Coelho das Beiras e Não do Centro

Apesar de geograficamente bastante específica, a receita não deixa de ser desconcertantemente ambígua. Sabemos de onde deve vir o coelho – das Beiras – ou onde ele deve ficar – na beira do prato ou travessa e jamais no meio? Sendo verdade a primeira formulação de pensamento, a que se inclina para a origem regional do animal, então, referimo-nos ao local de nascimento ou à atual morada do mamífero? E ainda que concordemos às cegas com qualquer uma destas últimas … Ler mais

Cheesecake de Hortelã, Hã!?

Agora, sim, avançámos para o inédito e estupidamente surpreendente universo dos improváveis, novamente. Habituados a ver a nobre hortelã a ser usada e abusava como mero enfeite no topo de bolos e restantes sobremesas, ou, mais atrevidamente em cocktails com abunfante álcool e também na versão sem, resolvemos voltar a dar-lhe o lugar que merece e que lhe é devido nos pratos principais: o de prima ballerina. Destronámos o eterno morango e os omnipresentes frutos do bosque do cheesecakeLer mais

Costeletas de Porco com Alecrim aos Molhos

Tem alecrim aos molhos? Tendo pouco, tem como atirá-lo a algum tipo de molho? Tem costeletas de porco? Então, em teoria, já tem esta receita, senão pronta, pelo menos em potência e potência é tudo aquilo de que mais necessitamos, a par de saúdinha.

Na posse destes dois ingredientes-mestre, o resto é tão intuitivo como qualquer boa aplicação. Chega-se lá à primeira. Parece até que as coisas já estavam no nosso cérebro, sem necessidade de aprendizagem. Some umas boas costeletas … Ler mais

Delícia de Baunilha e Palitos de Champanhe

Por vezes, ao escrever, não se dá conta de como podemos estar a baralhar passados, presentes e futuros leitores. Este é um desses exemplares casos. Delícia de baunilha sugere algo cuja delícia depende exclusivamente da baunilha, ou, ainda, uma baunilha que é tão boa que é uma delícia. De fora, em ambos os casos ficam os ovos, o açúcar, a farinha, o tacho e a forma, a manteiga e o leite, como se a eles nada fosse devido, nem fossem … Ler mais

Linguini de Peru com Tomate Seco

Se é daquelas pessoas que se arrepia só de pensar ou ver tomate seco, então, descarte-o desde já, que por aqui não somos puristas. Compete-nos, todavia, informar que sem ele a receita falha um dos mais inesperados sabores, senão mesmo o único sabor da receita. Porque as pastas – se formos honestos no apuramento da verdade e dos sabores – são apenas massa, que apesar de ter uma boa consistência, é um pouco inócua ao paladar. Não chega a ser … Ler mais

Cheesecake de Hortelã

Agora, sim, avançámos para o inédito e estupidamente surpreendente universo dos improváveis. Habituados a ver a nobre hortelã a ser usada e abusava como mero enfeite no topo de bolos e restantes sobremesas, resolvemos voltar a dar-lhe o lugar que merece e que lhe é devido nos pratos principais e nos cocktails: o de prima ballerina. Destronámos o eterno morango e os omnipresentes frutos do bosque do cheesecake e refastelámo-nos com quantidades massivas de hortelã. Quase estivemos para retirar … Ler mais

Empadão de Salsichas* do Ártico e Contraditório

Faça aquele puré de batata cremoso e sem grumos de que tanto gosta e que sabe fazer como ninguém, que para isso não é preciso receita. Vá ao Ártico, num fim de tarde em que tenha tudo controlado aí no trabalho, e aproveite para trazer de lá salsichas*. As enlatadas prestam-se bem a esta receita, mas como o ideal é que sejam frescas… Caso não tenha enlatadas, nem mesmo de marca branca ou de outro tom, pois se as temperar … Ler mais

« Older posts

© 2020 Absinto Muito

Theme by Anders NorenTopo ↑