Categoria: Risota de Gambas (page 2 of 18)

Semifrio Mandarim

Não se apoquente já com a questão linguística, pois dizem que o semifrio, antes de arrefecer demasiado é como o cimento ou a massa cinzenta das crianças: absorve tudo com enorme facilidade. Umas horas de cinema chinês (existe, não existe? Deve existir), ou uma manhã na Mega China (de onde pode aproveitar para trazer um lindo serviço de pratos com andorinhas cor-de-rosa para servir esta maravilhosa sobremesa) e já salvou a parte do Mandarim. Bem mais complexo é obter o … Ler mais

Pá de Porco com Regador de Mel e Limão

Não pense em pazinhas de praia (já que o verão anda por aí, ou já andou, que agora já nunca sei bem). Pense em pás de cantoneiro, ou das obras. Falamos mesmo de uma estúpida quantidade de carne de porco e não apenas umas fatias de lombo. O melhor será até que vá com o carrinho de mão, e não com a pá, que tanta carne é difícil e custosa de transportar. Por ser tanta a quantidade (isto é bom … Ler mais

Tarte de Chocolate Preto e Branco e Outros Tons

Uma receita inclusiva. Sim, nada de segregar, discriminar e rejeitar. Aqui, não reservamos nem deixamos de lado. Aqui, tudo de mistura e interage, tudo é miscigenação, além de que se conseguem tons de cacau lindos, com esta mistura. A sexualidade mundial devia pôr os olhos na nossa cozinha.

Pois bem, comece por maltratar um pacote de bolachas Maria não virgem, que isso da privacidade é para as revistas do social. Pode metê-las num saco e saltar-lhes em cima, envolvê-las num … Ler mais

Lombo de Porco com Crosta de Castanhas Verdes

Lombo já é uma coisa deliciosa, mas com crosta é qualquer coisa do outro mundo, daquele paralelo, no qual tudo corre bem e é de sonho. Não é fácil, porém, encontrar um bom lombo com crosta nos dias que correm (e se eles correm!). Tem de ir para o interior, para as zonas rurais, para as planícies e outros baixos relevos e geomorfologias do terreno (passe a redundância), se quer, realmente, ser bem-sucedido nesta empreitada ‘crostácia’, por assim ‘comer’ (ahahaha, … Ler mais

Ameixas e Gengibre

Trouxemos esta receita de uma viagem, onde apenas apanhámos o nome da receita (e muito provavelmente não na íntegra, pois cheira-nos a pouco) e não a própria, logo, este é, também para nós, um desafio e peras, mas que dispensa estas e coloca ameixas no seu lugar.

Pensámos, primeiro, em simplificar, porque também nestas coisas dos tachos, por vezes menos é mais. Assim, neste inaugural esboço, basta que junte ameixas e gengibre. Ambos crus e acabados de sair da árvore … Ler mais

Empadão de Alheira de Caça com Espinafres

Em homenagem a Manuel, que é Alegre, e a outros felizes e contentes, aqui fica uma receita reconfortante e cheia de classe. Classe alta, que os da baixa nem sabem o que são codornizes, quanto mais perdizes, faisões ou lebre, já para não mencionar o portentoso javali. Tudo começa da seguinte forma.: Levante-se de madrugada e vá à caça, com a sua Purdey, a sua bonita boina de fazenda de lã com espinhado miúdo ou com um padrão de xadrez … Ler mais

Bolo de Cenoura Mesmo Boa e Avelãs Mais ou Menos

Agregue, num sofisticado complô, uma pilha de cenoura mesmo, mesmo boa, daquela com imensa qualidade, muito bem picada no picador, ou bem, bem ralada por si. A cenoura não é o mais sensível dos seres vegetais, mas há coisas que a ralam sobremaneira. Rala-se imenso, por exemplo, com gente mal-educada, bicas mal tiradas e alguns tons de lilás. Avalie o temperamento da sua cenoura e perceba aquilo que realmente a tira do sério. Depois de bem ralada, essa pirâmide de … Ler mais

Salada de Cuscuz com Peixe e Laranja

URGhhh. Soa mesmo mal, não soa? Mas garantimos que soa bem pior do que sabe. Salada, bem se percebe, é uma coisa maravilhosa. A mais permissiva, despudorada e menos moralizadora das confeções culinárias. Uma verdadeira Maria vai com todas e com todos. Numa salada, não há tabus nem restrições. A salada é o prato poliamoroso por excelência. Ela é a rainha das orgias culinárias. O que é que uma salada não pode incluir? Tudo lhe é permitido, e com ela … Ler mais

Migas com Carne Temperada Assim-Assim

Migas!!!! Mais uma receita a pensar em todas vós. Façam pause nessa interminável dieta, a qual, por esta altura, é bem visível não estar a resultar, e rumem ao poético Alentejo para uma necessária dose de gordura capaz de repor os níveis de felicidade a um defunto. Sim, falamos de banha, toucinho, frituras, pão e muita carne de porco alentejano, preto ou branco (que não nos apanham em racismos, nem mesmo na cozinha), também ela frita em muita gordura. Claro … Ler mais

Tiramisu Daqui

A história desta receita merece ser contada, a fim de que fique registada nos anais gastronómicos, agora, para todo o sempre. Segundo reza a lenda, e ela reza bastante, num reino muito distante, mas não tão distante que não chegasse até nós a história – digamos, portanto, que aconteceu na Europa mais cercana de nós –, certa vez, em pleno ato criativo de uma nova sobremesa, com a qual queria surpreender e vencer sem espinhas um concurso televisivo da época, … Ler mais

« Older posts Newer posts »

© 2020 Absinto Muito

Theme by Anders NorenTopo ↑