Categoria: Risota de Gambas (pagina 2 de 8)

O que é o ‘comer’? É um verbo, mas estas não são receitas para ‘chefs’ da gramática. São dicas hilárias para todos aqueles que não sabem o que é quinoa, desconhecem por completo as sementes de chia e nunca viram bagas de goji na vida. Já agora, não tente nada disto em casa, ou em qualquer outro lugar!

Coelho com Chouriço e Cogumelos ou Não

Os fãs de coelho, chouriço e cogumelos podem agora reunir-se à mesma mesa, principalmente se for uma mesa farta e bem decorada, pois todo o entorno funciona como acepipe para os olhos. A receita reúne estes três grandes e magníficos num único prato, mas caso se encante por algum deles em determinado ponto da receita, esteja mais do que à-vontade para dar a coisa por terminada nesse mesmo instante. Liberdade de espírito e mente aberta são requisitos fundamentais em qualquer … Ler mais

Queijadas da Madeira

Atenção – que fugimos de processos como quem foge de abcessos –, são queijadas DA Madeira e não DE madeira. Compreendeu a diferença? De e da? Sim. De certeza? Então, vamos lá. São queijadas normais, mas devem ser feitas e comidas na Madeira, pois requerem climas tropicais e ajardinados. Além de que todos os pretextos são ótimos para visitar a Madeira mais uma vez. Porque não vai de navio, desta vez? Um pequeno cruzeiro é sempre romântico. Pode até tentar … Ler mais

Pataniscas de Bacalhau com Bacalhau do Bom

Falamos de saborosas panquecas disformes com farinha, ovo, bacalhau e salsa que dificilmente poderiam nascer do engenho culinário de outro país que não o nosso querido Portugal. Questiono-me até porque nenhum cantor se dignou ainda a colocar em verso + música esta poética pantagrulesca. Conhecem-se hinos populares ao bacalhau, mas a patanisca tem sido soberbamente negligenciada pelo mundo artístico. Lamentável. Podia ser qualquer coisa que remetesse para a relação causal da patanisca com o advento dos Descobrimentos ou entre os … Ler mais

Bolo de Laranja Simplesmente Básico e Basicamente Simples

Esta é tão simples que a dado momento nem vai querer fazê-la, de tal forma é mínimo o desafio culinário. É boa para tardes de chuva ou apenas tardes. A massa é básica, com as coisas de sempre, a saber: farinha, açúcar, ovos, leite e, vá, manteiga. O twist mais dramático que aqui vai encontrar é, pasme-se, raspa de laranja e – é outra possibilidade –, sumo de laranja. Caso ache que é laranja a mais para o Bolo de … Ler mais

Carne de Porco Alentejano à Alentejana com Migas de Infância

Aqui está um prato que aquece o estômago e os ânimos tradicionais e que junta o melhor de dois mundos opostos: o porco preto alentejano – certifique-se da origem da carne, pois faz toda a (in)diferença, por causa das bolotas e tudo isso –, e as ameijoas, que terá de ir buscar à costa alentejana, já que raramente se encontram no montado. Dizem que em anos bissextos, em determinadas luas cheias, com a cor de camisa indicada e no exato … Ler mais

Bolo de Bolacha Geométrica no Plural Com Segredo

Esta é daquelas primeiras receitas que, desde crianças – caso se tenha uma mãe prendada, ou nem por isso, e dedicada –, se aprende a fazer. Parece mesmo fácil de fazer, mas claro que, tal como tudo o resto que aparenta facilidades, também tem os seus truques e segredos.

Truques:

– Use apenas bolachas de formato geométrico, para conseguir encaixar as bolachas e ir montando um bolo por camadas, sejam elas circulares, quadradas ou retangulares sem desnecessárias irregularidades. Ou seja, … Ler mais

Robalo Sobre Sal Sol e Sul Com Molho de Vinho Verde-Escuro

Exotismo, sedução, perdição. Estas são os três estádios pelos quais passa quem embarca nesta receita. Primeiro, vem a atração pelo exótico. Não apenas o peixe é sobre o sal, como pode Robalo diretamente ao mar, o que é ótimo, pois quer dizer que será gratuito, caso não seja apanhado a Robalo, claro está, que isto de almoços grátis, já sabemos como funcionam. Segue-se a sedução. Fica tão inebriado com o molho que é de um tom de vinho verde-escuro tão … Ler mais

Covilhetes DeLeite da Terceira a Contar do Meio

Somos pelo conhecimento empírico e pela experiência in loco. Para quê estar a maçá-lo com receitas regionais complexas, quando uma viagem aos Açores é imperdível? Vá. Vá e aprenda lá como se fazem, além de que o leite do arquipélago vem de vacas felizes e sorridentes, que vivem ao ar livre e comem da mais fresca e verde erva do planeta. E caso não consiga à primeira ou à segunda, não desespere, os próprios açorianos só conseguiram à Terceira … Ler mais

Bacalhau à Romeu

Já percebeu que vai precisar de bacalhau e de um Romeu. Se o primeiro é de fácil apanha, já o segundo, é uma raridade nos dias que correm, e eles correm de facto. Julgo que o único Romeu que conheço é o shakesperiano amor de Julieta. Porém, Julietas ainda se vão encontrando, aqui e ali, mais ali do que aqui, mas sempre se encontram. A receita, porém, tinha logo de ser à Romeu. É que se não conhece um Romeu … Ler mais

Rebuçados de Ovo Clarissos

Esta receita está para a culinária e para a sofreguidão dos gulosos como o jogo Second Life para a vida virtual dos mais patetas. Passamos a explicar, porque esta é uma receita com história e um longo passado conventual, às mãos de hábeis e engenhosas freiras especialistas em claras de ovo, as quais eram santas devido às suas inúmeras utilizações. À conta das santas claras de ovo, empregues na goma de passar a ferro os duros colarinhos da roupa domingueira, … Ler mais

Older posts Posts mais recentes

© 2017 Absinto Muito

Topo ↑