Categoria: Risota de Gambas (Page 2 of 25)

O que é o ‘comer’? É um verbo, mas estas não são receitas para ‘chefs’ da gramática. São dicas hilárias para todos aqueles que não sabem o que é quinoa, desconhecem por completo as sementes de chia e nunca viram bagas de goji na vida. Já agora, não tente nada disto em casa, ou em qualquer outro lugar!

Frango com Limão e Erva Recreativa

Propomo-nos a reinterpretar a singela receita, originalmente designada Frango com Limão e Ervas. Como a falta de concordância de plural entre os dois principais acompanhantes do frango nos buliu com o sistema nervoso, a nova versão surge como mais do que necessária. Ela apresenta-se como uma urgência gramatical. Ou nos apresentam frango, ou mesmo frangos, com limões e ervas, tudo no plural, ou até frangos com limão e erva, ou vão ter de engolir apenas limão e erva, num singelo … Ler mais

Pudim Fã… de BD e Manga

Se juntássemos a gula à paixão por banda desenhada, o que resultaria? Esta receita, pois claro! Não apenas aqui a revelamos, com todas as suas calorias, como ainda lhe somamos manga, para aquele toque final de exotismo asiático tão apreciado por aficionados do género.

Há um único segredo na vida deste pudim, pelo que vamos deixá-lo para o fim. Somos adultos, sabemos como adiar um pequeno prazer e de quão melhor ele nos saberá no sossego do sofá, quando finalmente … Ler mais

Secretos de Porco Preto com Amêijoas

Shiuuuuu! Falemos baixinho, que esta é informação sensível, para não dizer classificada. Quanto aos secretos não poderemos desvendá-los, como bem se percebe, sob pena de cumprirmos uma qualquer pena que nem esta pena se atreve a escrever, não vá o diabo ouvir e como sabemos o diabo não é cliente de aparelhos auditivos.

A segunda delicadeza está implicada em questões racistas e xenófobas e ainda entra no domínio de terminologia caída em desuso e tudo isso aglutinado numa única cor. … Ler mais

Creme de Legumes Com Beterraba (?)

Vamos ter de esquecer esta receita, já que se impõe um manifesto contra a crassa incongruência semântica do nome da própria. É simples: a beterraba também é um legume, pelo que o mesmo seria dizer creme de legumes com legume e isso era só pateta pela desnecessária redundância.

Poderíamos aceitar um creme de legumes com tomate ou courgette, por exemplo, pois tomate e courgette são frutos e não legumes, mas creme de legumes com beterraba? O que pensaríamos sobre uma … Ler mais

PanQuecas ou Quecas Descomunais (Como se Diz Lá na Terra)

Esta é uma receita simples e muito prazenteira, que pode ser mais rápida ou demorada dependendo dos comensais, do tempo disponível e, claro, do apetite. Muitos a referem como especialmente indicada para pequenos-almoços de fim de semana, que primam por ser mais tranquilos e relaxados, ou para brunchs ricos, já que a PanQueca se adapta tanto a finalizações salgadas como açucaradas.

Pessoalmente, entendo que a PanQueca pode apetecer a qualquer hora do dia ou da noite e deve acontecer sempre … Ler mais

Sopa de Couve-roxa, Pimento Amarelo e Maçã Verde

Hummm. Sexy!!! Esta era a sopa colorida que deveríamos ter levado ao Qatar. Tudo isto é muito sugestivo. As diferentes texturas, os diferentes géneros, as cores garridas e tudo mais, todos muito unidos e mesclados num caldo quente e borbulhante até atingir o ponto de fervura. É quase orgástico, ou mesmo orgiástico. Só pode ser bom, pelo menos é desinibido. Uma bandeira gástrica muito inclusiva e garrida.

Se conseguir manter as cores separadas entre si, mas os sabores bem integrados, … Ler mais

Pavlova de Qualquer Coisa

Esta receita tem um passado e já nos chega plena de bagagem, de mão, de cabine e de porão, requerendo um início ao estilo ‘Era uma vez…’ Não sabemos ao certo quantas vezes eram de facto, mas com a economia no patamar deslizante em que se encontra, assumimos claramente uma única vez, no singular, que não é hora de extravagâncias. Também não conhecemos bem a história, pelo que inventaremos à farta, que a cozinha é o local ideal para fartazanas … Ler mais

Caldeirada de Bacalhau com Grão e Carne

Exige-se uma ressalva inicial ao relambório que se segue: não sou de caldeiradas. Não sou mesmo! Não desgosto, mas… não rejeito, mas… não deito fora, mas… Em qualquer tipo de caldeirada, acrescento sempre este enervante ‘mas’. Ou seja, não sou uma pessoa caldeirada-friendly. Havendo o que quer que seja além de caldeirada, eu opto por isso. Sempre. Invariavelmente. Sempre que a caldeirada se enfeita de pão frito ainda paro um segundo naquela linha de menu, mas, depois (lá … Ler mais

Bolo Plebe

É o parente pobre do Bolo Rei, como se sabe. Menos celebrado do que este aristocrático primo, devido a baixo budget, para não dizer inexistente, alocado ao marketing e à publicidade, o Bolo Plebe aguarda que a sua receita viralize algures por aí, o que tem tardado. Veremos se ajudamos o desfavorecido filho da pastelaria tradicional a ganhar alguma tração.

Pois bem, no fundo falamos aqui da clássica luta de classes naquele preciso ponto em que ela se cruza com … Ler mais

Pastéis de Feijão Em Três Atos

Este episódio desenrola-se numa estrutura em três atos, como qualquer bom clássico ou moderno.

Trata-se de uma peça natalícia adaptada aos tempos de crise que se vivem e àqueles que já se adivinham. Não desperdice dinheiro em fruta cristalizada, que é cara e já nem sequer tem vitaminas, apenas açúcar em quantidades épicas, para não dizer pornográficas.

Não se endivide por conta de frutos secos do tipo pinhão ou nozes, que já custam mais do que barritas de ouro embebidas … Ler mais

« Older posts Newer posts »

© 2024 Absinto Muito

Theme by Anders NorenTopo ↑